16 de fevereiro de 2017

Encontro Trump-Netanyahu


Trump promete a Israel que Irã jamais terá a bomba

AFP

US President Donald Trump and Israeli Prime Minister Benjamin Netanyahu hold a joint press conference in the East Room of the White House in Washington, DC, February 15, 2017O presidente dos EUA, Donald Trump, e o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, realizam uma conferência de imprensa conjunta na Sala Leste da Casa Branca em Washington, DC, 15 de fevereiro de 2017 (AFP Photo / SAUL LOEB)


Washington (AFP) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, saudou o vínculo "inquebrantável" dos Estados Unidos com Israel na quarta-feira e prometeu ao primeiro-ministro Benjamin Netanyahu que o Irã nunca seria autorizado a construir uma arma nuclear.

O voto de Trump foi concebido para abordar as preocupações israelenses sobre o acordo nuclear entre o Irã e seis potências mundiais, que Netanyahu alertou expirar demasiado cedo para remover permanentemente a ameaça.

"Com esta visita, os Estados Unidos, novamente, reafirmam nosso vínculo inquebrantável com nosso querido aliado, Israel", disse Trump.

"Os desafios de segurança enfrentados por Israel são enormes, incluindo a ameaça das ambições nucleares do Irã, sobre a qual falei muito", disse ele.

"Um dos piores negócios que já vi é o acordo com o Irã. Meu governo já impôs novas sanções ao Irã e farei mais para impedir que o Irã se desenvolva - quero dizer sempre - uma arma nuclear".

O acordo nuclear do Irã foi alcançado em julho de 2015 e entrou em vigor no ano seguinte. Sob as suas condições, o Irão concordou em desmantelar parte do seu programa nuclear, devolver o combustível enriquecido e submeter-se à inspeção internacional.

Mas os críticos do acordo, incluindo Netanyahu, argumentaram que, quando alguns dos termos do acordo expiram em 10 e 15 anos, deixará Teerã no limiar da construção de uma bomba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário